Andy Rain/ EFE
Andy Rain/ EFE

Tottenham perde nos pênaltis, fica fora da Copa da Inglaterra e torcida protesta

Com a eliminação, torcedores tentaram agredir Fernandes na saída de campo e o zagueiro Eric Dier defendeu o companheiro

Redação, Estadao Conteudo

04 de março de 2020 | 20h41

O Tottenham está fora da Copa da Inglaterra. O time do técnico português José Mourinho empatou, nesta quarta-feira, em seu estádio com o Norwich, por 1 a 1, no tempo normal, e foi eliminado na disputa de pênaltis por 3 a 2, após empate sem gols na prorrogação.

O lateral-esquerdo Jan Vertonghen abriu o placar para o Tottenham, aos 13 minutos de jogo. O empate dos visitantes só foi conquistado aos 33 minutos da etapa final com o atacante suíço Josip Drmic. Na disputa de penalidades, o argentino Lamela, o irlandês Parrot e o português Gedson Fernandes falharam.

Com a eliminação, torcedores tentaram agredir Fernandes na saída de campo e o zagueiro Eric Dier, em defesa do companheiro, chegou a discutir com vários espectadores nas arquibancadas.

Nas quartas de final, dia 22, o Norwich vai enfrentar o vencedor do duelo entre Derby County e Manchester United, que se enfrentam nesta quinta-feira.

Manchester City e Leicester sofreram, mas ratificaram o favoritismo e passaram para a próxima fase da competição. Os comandados de Pep Guardiola venceram, fora de casa, o Sheffield, por 1 a 0, gol do artilheiro Aguero, aos sete minutos do segundo tempo. O próximo rival do atual campeão inglês será o Newcastle.

Com o mesmo placar, o Leicester, em casa, passou pelo Birmingham. O gol foi marcado pelo português Ricardo Pereira, em bela cabeçada, aos 37 minutos do segundo tempo.

Nas quartas, o Leicester terá pela frente o Chelsea, que derrotou o Liverpool, por 2 a 0, na terça-feira, em Londres.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.