Treinador deixa o Pescara após nova derrota no Italiano

O técnico Giovanni Stroppa pediu demissão e deixou o comando do Pescara logo depois de sofrer nova derrota no Campeonato Italiano. Neste domingo, o time perdeu fora de casa para o Siena, por 1 a 0, e ficou com 11 pontos, apenas um a mais do primeiro dentro da zona de rebaixamento.

AE-AP, Agência Estado

18 de novembro de 2012 | 15h25

O anúncio da saída do treinador foi feito ainda nos vestiários do estádio em Siena pelo diretor do Pescara, Daniele Delli Carri. Segundo ele, a decisão de Giovanni Stroppa surpreendeu os dirigentes do clube e não havia intenção de trocar de comando neste momento do campeonato.

Giovanni Stroppa tinha assumido o comando do Pescara na pré-temporada, quando foi contratado para substituir Zdenek Zeman, técnico que levou a equipe ao título da segunda divisão italiana na temporada passada e que deixou o cargo para trabalhar na Roma. O novo treinador ainda não foi definido.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato ItalianoPescara

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.