Treinador interino vê Vasco 'abalado' por resultados anteriores

Gaúcho acredita que equipe poderia ter conseguido um resultado melhor contra o Flamengo

AE, Agência Estado

31 de janeiro de 2011 | 12h15

RIO - Escolhido para dirigir interinamente o Vasco depois da demissão do técnico Paulo César Gusmão, ocorrida na última sexta-feira, o técnico Gaúcho viu o time ser superado por 2 a 1 pelo Flamengo, no último domingo, no Engenhão, e acumular a sua quarta derrota em quatro jogos na Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca.

Para o interino, o resultado acabou sendo fruto do nervosismo provocado pela pressão a que os jogadores estão sendo submetidos, já que eles entraram em campo após três derrotas seguidas sofridas diante de equipes pequenas do Rio nas três primeiras rodadas da competição.

"O Vasco entrou preocupado demais com o Flamengo. Não conseguiu realizar nada. Tomamos dois gols por causa de algumas indecisões e no segundo tempo a equipe teve uma outra postura. Poderia ter conseguido um resultado melhor", analisou Gaúcho, que negou que a demissão de Paulo César Gusmão e o afastamento dos medalhões Felipe e Carlos Alberto do elenco tenham influído no desempenho dos jogadores vascaínos.

"Foi rendimento mesmo, falta de postura, devido aos resultados anteriores. Essas trocas no futebol toda hora acontecem. A equipe está abalada mesmo com os resultados anteriores", reforçou.

Veja também:

linkJOGO - Leia como foi Vasco 1 x 2 Flamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.