Tribunal da FPF absolve Taquaritinga

O Tribunal de Justiça da Federação Paulista de Futebol absolveu, nesta segunda-feira à tarde, o Taquaritinga que corria risco de perder dez pontos dentro do Campeonato Paulista da Série A-3 por uso irregular de dois jogadores. Os atletas Alex Santana e Rodrigo Alves teriam participado de dois jogos de forma irregular, mas a defesa do clube conseguiu provar que toda a documentação está correta, tanto que a absolvição foi por unanimidade dos jurados. O Taquaritinga é vice-líder da Série A-3, com 16 pontos, ao lado do Taubaté. Sua campanha estaria comprometida caso perdesse os pontos. O Oeste lidera a competição com 18 pontos. Um caso semelhante envolve o Rio Preto no Campeonato Paulista da Série A-2. O lateral-direito Jerry também teria atuado irregularmente na partida de abertura da competição contra o Olímpia, que terminou com vitória do Rio Preto, por 2 a 1. O caso, porém, não foi julgado pelo TJD que vai apreciar o processo somente no dia 11 de março. O Rio Preto corre o risco de perder cinco pontos, o que atrapalharia seus planos de lutar pela ponta da Série A-2. No momento, o time tem nove pontos e ocupa a sexta posição. Os quatro primeiros colocados estarão classificados para as semifinais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.