Tribunal denuncia Danrlei e Tevez

O goleiro Danrlei, do Atlético-MG, e o argentino Tevez, do Corinthians, foram denunciados pela Procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por causa de incidentes isolados no clássico entre as duas equipes disputado dia 29 de maio, no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro. Tevez pode ser suspenso de um a três jogos. Já Danrlei pode ficar sem atuar de uma a dez partidas. Eles serão julgados na próxima semana. O atacante foi indiciado por ter calçado Rodrigo Fabri após levar um drible. Acabou expulso e será julgado com base no Artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) - praticar ato desleal ou inconveniente. Já Danrlei responderá pelo 258 - assumir atitude contrária à disciplina ou à moral desportiva. O goleiro deu um pique até Tevez para cobrar explicações do argentino, com o dedo em riste, após uma dividida do corintiano com um adversário. Houve empurra-empurra, mas nenhum deles foi expulso naquele lance. Uma eventual punição a Tevez, porém, não deve acarretar prejuízos ao Corinthians. O atleta ficará praticamente todo mês de junho à disposição da seleção da Argentina na Copa das Confederações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.