Marcos D'Paula/Estadão - 23/04/2005
Marcos D'Paula/Estadão - 23/04/2005

Tribunal Superior do Trabalho reduz multa que Cruzeiro deve a Fred

Clube deverá pagar R$ 203 mil para atacante por transferência para o Lyon, da França

Ayr Aliski, Agência Estado

21 de outubro de 2013 | 17h09

BRASÍLIA - O Tribunal Superior do Trabalho (TST) atendeu pedido do Cruzeiro e reduziu o valor da multa devida pelo clube mineiro ao atacante Fred. O caso se refere à transferência do jogador, então no Cruzeiro, para o Lyon, da França, há quase dez anos. A multa ficou estabelecida em cerca de 68 mil euros, ou seja, cerca de R$ 203 mil, informa o TST, em nota. Se a conta fosse feita sobre a base de cálculo que era solicitada pelo jogador, a multa ficaria em torno de R$ 1,780 milhão.

Segundo destaca o TST, o jogador celebrou contrato com duração de cinco anos com o Cruzeiro em 1º de julho de 2004. Pouco mais de um ano depois, em agosto de 2005, foi negociada a transferência de Fred para o Lyon, em negociação de 15 milhões de euros. Desse total, 3 milhões de euros caberiam ao jogador (atualmente no Fluminense), mas ele recebeu menos: 2,65 milhões de euros. Por causa dessa diferença foi ajuizada ação trabalhista. O caso já tinha tramitado no Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região (MG).

O TST informa que a Segundo Turma do Tribunal tomou a decisão de arbitrar uma multa de 20% sobre as diferenças não pagas no contrato da transferência, ou seja, sobre cerca de 343 mil euros (aproximadamente R$ 1 milhão), e não sobre 3 milhões de euros (aproximadamente R$ 8,9 milhões), como pedia o jogador. Ou seja, a multa final ficou em cerca de 68 mil euros, o que chega a R$ 203 mil pela taxa de câmbio que vigora hoje. Se fosse considerada a base pedida por Fred, a multa alcançaria quase R$ 1,8 milhão.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroFred

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.