Reprodução/Twitter/NuhuAdams_
Reprodução/Twitter/NuhuAdams_

Tumulto em Madagascar deixa 1 morto e 37 feridos antes de jogo pela Copa Africana

País recebeu o confronto diante de Senegal pelas Eliminatórias para a Copa Africana das Nações de 2019

Estadão Conteúdo

09 Setembro 2018 | 11h12

O futebol africano passou neste domingo por mais um triste episódio de violência e morte na porta de um estádio. Em Antananarivo, capital de Madagascar, pelo menos uma pessoa morreu e outras 37 ficaram feridas em uma confusão registrada antes da partida entre a seleção nacional e Senegal, pelas Eliminatórias para a Copa Africana de Nações de 2019, que será realizada em Camarões.

Segundo informações de agências de notícias, milhares de pessoas estavam aglomeradas desde cedo para assistir ao duelo. Testemunhas relatam que havia apenas uma entrada disponível em todo o estádio Mahamasina para a entrada dos torcedores. Houve, então, uma confusão e muita gente saiu correndo em disparada, causando o pisoteamento em várias delas.

Uma torcedora que presenciou a confusão contou que muita gente já estava na fila na entrada do estádio logo nas primeiras horas da manhã, sendo que a partida só começaria às 14h30 locais (8h30 de Brasília). Na correria dos torcedores, ela se salvou porque sua mochila "amortizou os golpes" quando foi pisoteada.

Apesar do incidente, o jogo entre Madagascar e Senegal foi realizado com um público de mais de 20 mil espectadores. Pelo Grupo A, as seleções ficaram no empate por 2 a 2, em um resultado que deixou ambos na liderança com quatro pontos após duas rodadas.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.