TV diz que titulares pendurados não jogam; CBF não confirma

O treinador da seleção brasileira, Carlos Alberto Parreira, resolveu não arriscar e não vai escalar os três titulares - Cafu, Emerson e Ronaldo - que estão pendurados com um cartão amarelo na partida contra o Japão, nesta quinta, em Dortmund, pela terceira rodada do Grupo F da Copa do Mundo.Segundo informações divulgadas pela TV Globo, na manhã desta quinta, começarão jogando o lateral-direito Cicinho, o volante Gilberto Silva e o atacante Robinho - este também sob o risco de ser suspenso caso recebe uma advertência na partida. No entanto, a assessoria de imprensa da CBF não confirma as mudanças. O anúncio oficial dos 11 titulares para enfrentar os japoneses sairá somente uma hora antes da partida, marcada para 16 horas (horário de Brasília).Durante a entrevista coletiva dada na quarta, logo após o treino de reconhecimento do gramado do Westfalestadion, Parreira manteve a postura adotada nos últimos dias e não quis confirmar o time titular. Afirmou que só fará isso momentos antes do jogo. "Se tiver que colocar algum dos reservas, ele vai jogar. Aliás, são reservas entre aspas. Existe a possibilidade de mudar, até porque não é um jogo de risco, já estamos classificados e lutamos apenas pela liderança, que é importante. Vamos fazer uma reunião nesta noite (de quarta) e aí decidimos o que fazer", explicou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.