Reprodução / Twitter / Associação Europeia de Clubes
Reprodução / Twitter / Associação Europeia de Clubes

Uefa estuda a criação de um terceiro torneio de clubes europeus a partir de 2021

Objetivo é dar espaço para times menores; associação de clubes já deu aval

Estadão Conteúdo

11 Setembro 2018 | 10h22

O presidente da Associação de Clubes Europeus (ECA, na sigla em inglês), Andrea Agnelli, disse nesta terça-feira que a Uefa está preparando uma terceira competição entre times do continente a partir de 2021.

O dirigente, que também é o mandatário da Juventus, comentou que a nova competição deve envolver equipes de menor expressão. "Foi dado sinal verde para criação de uma terceira competição europeia", disse Agnelli durante assembleia da Eca que aconteceu nesta terça-feira em Split, na Croácia.

A frase foi reproduzida pelo Twitter da entidade. No entanto, os dirigentes da Uefa ainda discutem se haverá de fato uma terceira competição. Isso porque há uma outra ideia de expandir a Liga Europa, acrescentando mais 16 equipes, com uma fase de grupos com um total de 64 clubes.

A preferência de Agnelli e dos membros da ECA é criar um outro torneio com 32 times em paralelo à Liga Europa. De uma forma ou de outra, o objetivo é dar espaço para equipes menores. O mandatário da Juventus informou que caso haja uma dessas mudanças um total de 96 equipes estará envolvida em disputas continentais - hoje 64 equipes estão envolvidas na Liga dos Campeões e na Liga Europa.

A terceira competição europeia, para existir, depende ainda de aprovação do Comitê Executivo da Uefa. Agnelli também é um dos conselheiros da entidade máxima europeia e deve influenciar na decisão. A próxima reunião do grupo será dia 27, em Nyon, na Suíça.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.