Uefa fará exames antidoping surpresa durante Eurocopa

Pela 1.ª vez, os jogadores selecionados para o exame antidoping deverão entregar uma amostra de sangue

Efe

12 de fevereiro de 2008 | 19h24

A Uefa anunciou nesta terça-feira que fará exames antidoping surpresa de urina e sangue durante a Eurocopa deste ano, de 7 a 29 de junho na Áustria e Suíça.O procedimento será também feito em cada um dos 31 jogos do torneio e também fora da competição. Cada equipe fará o exame surpresa pelo menos uma vez, com dez de seus jogadores escolhidos para fazê-lo.Pela primeira vez, os jogadores selecionados após as partidas para o exame antidoping deverão entregar uma amostra de sangue. A recomendação foi feita de acordo com as sugestões do Comitê Médico da Uefa e da Agência Mundial Antidoping (AMA)."O futebol tem muita reputação na luta contra o doping e agora vamos além com a decisão de realizar exames de sangue na Eurocopa de 2008", disse o ex-jogador francês Michel Platini, presidente da Uefa, em declarações divulgadas pelo site do organismo.

Tudo o que sabemos sobre:
Eurocopaantidopingdoping

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.