Peter Cziborra/ Reuters
Peter Cziborra/ Reuters

Uefa julgará Dínamo de Kiev por racismo contra jogadores do Everton

Comportamento da torcida ucraniana pode render punição ao clube

Estadão Conteúdo

20 Março 2015 | 16h33

Mais um caso de racismo foi registrado no futebol europeu na última quinta-feira. Durante a goleada por 5 a 2 sobre o Everton, em casa, pela Liga Europa, a torcida do Dínamo de Kiev proferiu ofensas racistas a jogadores adversários. O comportamento foi flagrado pela Uefa e pode gerar punições ao clube ucraniano.

A entidade anunciou nesta sexta-feira que abrirá um inquérito disciplinar para investigar o comportamento da torcida. O julgamento acontecerá na próxima quinta e se o Dínamo for considerado culpado, deverá cumprir algum tipo de punição no duelo de ida das quartas de final diante da Fiorentina, dia 16 de abril.

O Dínamo garantiu classificação às quartas com a goleada sobre o Everton, que deixou o placar agregado do confronto em 6 a 4. O duelo de quinta já aconteceu com parte do Estádio Olímpico de Kiev fechado por conta de desordem da torcida local na fase anterior, contra o Guingamp.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.