Uefa multa Chelsea e suspende Mourinho

O comitê disciplinar da União Européia de Futebol (Uefa) - entidade que comanda o esporte no continente - decidiu multar o Chelsea em ? 50 mil e suspender por duas partidas o técnico da equipe, o português José Mourinho. O clube inglês e o treinador foram condenados por acusações consideradas infundadas contra o árbitro Anders Frisk. Mourinho colocou o árbitro sob suspeita na partida do Chelsea contra o Barcelona pelas oitavas-de-final da Liga dos Campeões. Ao final da partida, ele se recusou a participar da entrevista coletiva obrigatória em sinal de protesto. Disse que no intervalo da partida, auxiliares seus viram o técnico do Barça, Frank Rijkaard, entrar nos vestiários de Frisk. O Chelsea vencia o jogo por 1 a 0, mas teve um jogador expulso e sofreu a virada no finalzinho. Depois das declarações, o árbitro passou a sofrer ameaças de morte e decidiu encerrar a carreira.Além da suspensão, Mourinho terá de pagar multa de ? 13 mil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.