Uefa pune Croácia pelo comportamento da torcida

Uefa pune Croácia pelo comportamento da torcida

Devido a confusão entre croatas em partida contra a Itália, próximo jogo da seleção, contra a Noruega, terá redução de público

Estadão Conteúdo

12 de dezembro de 2014 | 17h13

A Uefa anunciou nesta sexta-feira a punição da Croácia pelos incidentes que aconteceram no jogo contra a Itália, no dia 16 de novembro, no Estádio San Siro, em Milão, pelas Eliminatórias da Eurocopa de 2016. Na ocasião, torcedores croatas lançaram fogos de artifício que chegaram a provocar a interrupção da partida.

Como punição, a Uefa determinou que um setor com oito mil lugares do Estádio Maksimir, em Zagreb, fique fechado quando a Croácia enfrentar a Noruega, no dia 28 de março, pela próxima rodada ds Eliminatórias da Eurocopa. Além disso, aplicou uma multa de 80 mil euros na Federação Croata de Futebol.

Por ter sido a mandante do jogo e não ter evitado os problemas no estádio, a Federação Italiana de Futebol também foi multada, no valor de 13 mil euros.

A multa imposta agora é a mesma que a Uefa aplicou na Croácia após torcedores croatas imitarem sons de macaco para o atacante italiano Mario Balotelli em jogo entre os dois países, na Eurocopa de 2012, na Polônia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.