Uefa suspende brasileiro Fred por três jogos após cotovelada

Além de ser eliminado nas oitavas-de-final da Liga dos Campeões da Europa, o Lyon não poderá contar com o atacante Fred por três jogos em competições européias. Isso porque o jogador brasileiro foi suspenso nesta quinta-feira pela Uefa por ter dado uma cotovelada no zagueiro Cristian Chivu, na partida contra a Roma, no dia 3 de março. O clube francês ainda pode recorrer da decisão.A agressão do ex-cruzeirense aconteceu aos 36 minutos do segundo tempo do jogo, em que a Roma venceu por 2 a 0, fora de casa, no Estádio Gerland. O brasileiro acertou Chivu e quebrou o nariz do jogador romeno, que teve que ser atendido, ainda em campo, com o nariz sangrando.Durante a partida, o juiz espanhol Manuel Mejuto González não viu o lance e sequer marcou falta ou puniu Fred com um cartão amarelo - ele só foi penalizado no jogo minutos depois, em outro lance. Porém, o Comitê de Controle e Disciplina da Uefa analisou as imagens do jogo e decidiu punir o brasileiroNo dia seguinte após a eliminação do Lyon, o atacante declarou que não teve a intenção de agredir o adversário. "Foi uma jogada normal. Estava sendo agarrado pelo adversário e tentei me livrar da marcação. Infelizmente, meu braço, e não o cotovelo, sobrou em uma parte sensível do corpo do Chivu, o nariz. Geralmente, nesses casos, o braço bate no peito", comentou o naquela ocasião. "Meu histórico mostra isso. Não sou um jogador violento. Muito pelo contrário, estou acostumado a apanhar dentro de campo, e não a bater."Como lidera o Campeonato Francês com 16 pontos de vantagem para o segundo colocado - ainda faltam nove rodadas para o término da competição -, o Lyon está muito próximo de garantir uma vaga na próxima edição da Liga. Com isso, o clube francês não poderá contar com Fred em quase toda a primeira fase.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.