União de Araras quer vender artilheiro

A esperança do União São João de Araras para os primeiros dias de 2004 é pela efetivação da venda do atacante Galvão para o exterior, o que poderia render dinheiro suficiente para tocar o futebol do clube na temporada. A maior revelação do time do interior pode defender o Spart de Praga, da República Checa. As negociações estão sendo fechadas pelo diretor Antônio Carlos Belotto, que não revela os valores envolvidos. Independente do acerto, o clube promete anunciar para o final de semana, pelo menos, dez reforços visando o Paulistão 2004. Galvão, de 21 anos, tem 1,90 m, é canhoto e marcou 23 gols em 2003, não só pelo União de Araras. Ele também participou do elenco do Ituano, marcando três gols decisivos para o campeão brasileiro da Série C. Um dos primeiros clubes-empresa do Brasil, o União de Araras sofreu com a implementação da Lei Pelé, uma vez que sua arrecadação vinha da venda de passes de jogadores. O time passou o ano enfrentando muitas dificuldades financeiras, culminando com seu rebaixamento da Série B para a Série C do Brasileiro. Agora tenta se reforçar para se manter na elite do futebol paulista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.