REUTERS|Sergio Perez
REUTERS|Sergio Perez

Uruguai chama Suárez, Cavani e Arrascaeta para enfrentar o Brasil

Será a 1ª partida do atacante do Barcelona após suspensão na Copa de 2014

Estadão Conteúdo

04 de março de 2016 | 20h26

O técnico Óscar Tabárez anunciou nesta sexta-feira a pré-convocação do Uruguai para enfrentar o Brasil no próximo dia 25, em Recife, e confirmou o retorno de Luis Suárez. O atacante, que foi suspenso por morder o italiano Giorgio Chiellini em uma partida da Copa do Mundo de 2014, desde então não disputa uma partida oficial pelo Uruguai.

Como de costume, Tabárez listou mais atletas do que ele pode levar para as duas próximas rodadas das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, contra Brasil e Peru. O treinador convocou 28 jogadores que atuam foram do Uruguai e depois ainda poderá chamar atletas que jogam no país. Mais adiante ele apontará os 23 da convocação final.

A grande novidade da convocação, entretanto, não é Suárez, mas o zagueiro Guilhermo Varela, de 22 anos, que defendeu o time B do Real Madrid na temporada passada e foi titular dos últimos jogos do Manchester United. É a primeira convocação do garoto, vice-campeão mundial sub-20 em 2013.

Outros dois jogadores foram chamados pela primeira vez: Matías Vecino e Diego Laxalt, ambos meio-campistas, que atuam respectivamente pela Fiorentina e pelo Genoa na Itália. Os dois são titulares absolutos em suas equipes e têm boas passagens pelas seleções de base do Uruguai.

Tabárez tem dois desfalques para o jogo contra o Brasil, uma vez que Diego Godin, talvez o melhor zagueiro do mundo no momento, e o lateral-direito Maxi Pereira estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Mesmo assim os dois foram convocados para enfrentarem o Peru, dia 29, em Montevidéu. Também o zagueiro Cáceres, da Juventus, não foi chamado. Ele rompeu o tendão de Aquiles e não joga mais na temporada.

Dos 28 jogadores da convocação, só dois jogam no Brasil: o goleiro Martin Silva, do Vasco, e o meia De Arrascaeta, do Cruzeiro. Outros, como Arévalo Ríos e Nicolás Lodeiro, já atuaram no futebol brasileiro.

CONVOCADOS

Goleiros - Fernando Muslera (Galatasaray), Martín Silva (Vasco), Rodrigo Muñoz (Libertad) e Martín Campana (Independiente);

Defensores - Maximiliano Pereira (Porto), Emiliano Velázquez (Getafe), José María Giménez (Atlético de Madrid), Diego Godín (Atlético de Madrid), Sebastián Coates (Sporting), Gastón Silva (Torino), Guillermo Varela (Manchester United) e Álvaro Pereira (Getafe);

Meio-campistas - De Arrascaeta (Cruzeiro), Mathias Corujo (Universidad de Chile), Nicolás Lodeiro (Boca Juniors), Álvaro González (Atlas), Carlos Sánchez (Monterrey), Camilo Mayada (River Plate), Arévalo Ríos (Atlas), Matias Vecino (Fiorentina), Diego Laxalt (Genoa), Cristian Rodríguez (Independiente) e Brian Lozano (América do México);

Atacantes - Luis Suárez (Barcelona), Edinson Cavani (PSG), Diego Rolan (Bordeaux), Abel Hernández (Hull City) e Cristhian Stuani (Middlesbrough).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.