Uruguai quer que Paraguai tire pontos dos rivais

Se os paraguaios triunfarem contra Chile e Brasil, ajudarão a vida dos uruguaios nas Eliminatórias

EFE,

30 de maio de 2009 | 16h33

O técnico do Uruguai, Oscar Tabárez, torcerá pelo Paraguai nas próximas rodadas das Eliminatórias Sul-Americanas à Copa de 2010, pois o atual líder da disputa pode tirar pontos dos rivais diretos.

 

Veja também:

especial Mais informações no canal especial das Eliminatórias

lista  Eliminatórias - Calendário e Resultado

 

A seleção uruguaia iniciará na próxima segunda os treinos para os confrontos com o Brasil, dia 6 em Montevidéu, e Venezuela, dia 10 em Puerto Ordaz, válidos pelas 13ª e 14ª rodada das Eliminatórias.

 

"Já disse a Gerardo Martino (técnico do Paraguai) que torço por eles assim que acabar nosso confronto. Espero que vençam todos os confrontos seguintes e se classifiquem, porque desta forma acabarão beneficiando o Uruguai", afirmou Tabárez.

 

Jogando em casa, os uruguaios superaram o Paraguai por 2 a 0 em 28, pela 11ª rodada. Foi a segunda derrota dos paraguaios em 12 partidas.

 

Os paraguaios lideram a classificação das Eliminatórias Sul-Americanas com 24 pontos, três à frente do Brasil. O Chile é o terceiro, com 20, a Argentina aparece com 19 e o Uruguai está com 17.

 

Completam a classificação, nesta ordem, Colômbia e Equador, ambos com 14, Venezuela (13), Bolívia (12) e Peru (7).

 

"O Paraguai está a caminho de obter sua classificação e merece porque foi a seleção mais regular das eliminatórias", completou Tabárez.

 

No entanto, o técnico destacou que a classificação do Paraguai "é iminente", e a equipe pode acabar relaxando no restante da disputa.

 

A seleção paraguaia receberá o Chile e depois visita o Brasil no estádio do Arruda, em Recife.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.