Epitácio Pessoa/AE
Epitácio Pessoa/AE

Vaga mostra maturidade do Santos, diz Paulo Henrique

Meia acredita que pouca idade do elenco não será problema para decisão do Paulista, contra o Santo André

AE, Agência Estado

19 de abril de 2010 | 13h06

O meia Paulo Henrique Ganso, autor do terceiro gol da vitória por 3 a 0 sobre o São Paulo, na Vila Belmiro, afirmou que o triunfo mostrou que o time do Santos está maduro. O resultado classificou a equipe, sensação do início da temporada, para a decisão do Campeonato Paulista contra o Santo André.

Veja também:

linkFinais do Paulistão serão disputadas no Pacaembu

linkPará evita falar em título antecipado no Santos

linkJosé Serra pede Neymar na seleção brasileira

linkNeymar volta a cobrar chance na seleção brasileira

"Isso provou nossa maturidade, mesmo com o grupo sendo jovem, que aprendeu muito no ano passado, e por isso chegamos na final do Campeonato Paulista", afirmou Paulo Henrique, derrotado na decisão do estadual de 2009 pelo Corinthians, em entrevista à TV Globo.

Para o meia, a postura ofensiva da equipe nos dois jogos das semifinais foi fundamental para a classificação santista. "O Santos jogou da mesma maneira fora e na Vila Belmiro e esse foi um dos nossos diferenciais", disse o meia do melhor ataque do Paulistão, com 67 gols marcados.

Paulo Henrique admitiu o sonho de defender a seleção brasileira na Copa do Mundo. "A esperança sempre tem, até a última convocação. Espero que ele [o técnico Dunga] olhe com carinho e chame eu e o Neymar", comentou. "Acho que o futebol é momento e ele precisa olhar com carinho essa nova geração", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.