Vágner Love chora e diz realizar sonho no Flamengo

As tranças azuis ficaram em São Paulo. Agora elas são das cores vermelha, combinando com o cabelo preto. Com novo visual, o atacante Vágner Love foi apresentado nesta sexta-feira, na Gávea, como a principal contratação do Flamengo para a temporada.

AE, Agencia Estado

15 de janeiro de 2010 | 20h01

O jogador assinou contrato até o final de julho e já está louco para estrear com a camisa rubro-negra. "A emoção é grande. É a realização de um grande sonho, de um sonho de infância. É um prazer imenso. Jogar ao lado de grandes jogadores, como o atacante Adriano, vai ser maravilhoso", disse Vágner Love, saudado por vários torcedores num auditório da Gávea.

"Se pudesse já estreava no domingo [contra o Duque de Caxias, pelo Campeonato Carioca]. Só depende do treinador", emendou o artilheiro, recém-saído do Palmeiras, onde decepcionou no ano passado.

Ao receber a camisa 9 das mãos da presidente Patrícia Amorim, ele beijou o escudo do Flamengo e não segurou as lágrimas. "Pretendo retribuir todo carinho em campo. Vou jogar minha vida pelo Flamengo", afirmou. "Por mim, ficaria no Flamengo a vida inteira. Quero ganhar a Libertadores e o Mundial. Tenho muitos planos".

Antes mesmo da apresentação do atacante, a diretoria do Flamengo já fazia a pré-venda das camisas com o nome do jogador e o número 9 às costas, ao preço de R$ 149,90. Tudo para faturar muito com o novo reforço.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengoVágner Love

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.