Vagner Love diz que elenco do Fla tem 'vergonha na cara'

A insatisfação da torcida flamenguista, após o empate sem gols contra a Portuguesa nesta quinta-feira, em casa, foi acolhida pelo elenco. Preocupado com o momento difícil do time carioca, que não vence há três rodadas no Campeonato Brasileiro, o atacante Vagner Love assegurou que os jogadores têm vergonha na cara.

AE, Agência Estado

27 de julho de 2012 | 07h39

"Todo mundo aqui tem vergonha na cara. Mesmo assim a torcida tem razão no protesto dela. Ela veio aqui para ver um bom futebol e uma vitória, não viu e está no seu direito", comentou o atacante, para em seguida reconhecer seus erros. "Eu estou sentindo falta de gols, é claro. Novamente tive oportunidade e não marquei".

Para o lateral-direito Leonardo Moura, a equipe está errando demais e precisa evoluir o mais rápido possível. "Temos que melhorar mesmo. Não podemos perder esses pontos em casa. Estamos nos precipitando demais e acabamos errando muitos passes. É muito erro", resumiu.

Uma das apostas para diminuir os problemas é a chegada de Dorival Junior, que já ficou no banco na quinta-feira, mas pouco pôde trabalhar com o grupo. "Agora está chegando um novo treinador e ele vai acertar o time para tentarmos subir na tabela. Sabemos que estamos num momento delicado, mas só nós podemos mudar isso. Temos que mostrar ainda mais vontade para mudar, para vencer", decretou o goleiro Paulo Victor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.