Werther Santana/Estadão Conteúdo
Werther Santana/Estadão Conteúdo

Vagner Love minimiza reserva, mas quer jogar mais pelo Corinthians

Atacante entrou no segundo tempo contra Inter e mudou o jogo

DANIEL BATISTA, ESTADÃO CONTEÚDO

13 de junho de 2015 | 19h06

Destaque da vitória de virada por 2 a 1 do Corinthians sobre o Internacional, neste sábado, no Itaquerão, o atacante Vagner Love deixou o gramado aplaudido, algo raro de ser ver desde que chegou ao clube Ele sofreu a falta que originou o gol de Jadson e marcou o segundo gol. Ao final da partida, ele admitiu que não está confortável em ser reserva, mas que respeita seus companheiros, em especial Romero, que fez uma péssima partida e foi substituído sob vaias.

"Tenho que aceitar (a reserva) e respeitar o momento do companheiro. Em momento nenhum eu deixei de trabalhar porque sabia que uma hora eu teria oportunidade. Quando o jogador está jogando, ele pega ritmo. Tive tempo de treinar e estou bem. Agora é pegar ritmo", disse o atacante, que entrou no segundo tempo, no lugar de Petros.

O jogador ainda destacou o fato da dificuldade que o Corinthians tem para conseguir se adaptar a jogar sem Guerrero e Sheik, que foram para o Flamengo. "Quando a gente perde jogadores importantes, como o Guerrero e o Sheik,  o time sente. Tivemos que nos reformular, mas a torcida não quer saber disso, quer ganhar. A gente sabia que iria retornar o bom futebol e estamos trabalhando forte para continuar sempre melhorando", explicou o atacante.

Feliz, Vagner ainda brincou sobre o fato de ter aproveitado o rebote na jogada de Renato Augusto para ter feito o gol. "Ele fez toda a jogada, o gol é dele. Mas o Corinthians está de parabéns. Estamos retornando o que fizemos no início do ano", analisou. 

Já Renato Augusto parabenizou o companheiro. "O Love estava pressionando do gol muito mais do que eu. Fico feliz pela vitória e pelo gol dele", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.