Vágner Love sabe que 2004 será decisivo

Vágner Love não tem dúvidas: 2004 será um ano decisivo em sua carreira. Depois de se destacar como uma das principais revelações do futebol brasileiro em 2003, o atacante do Palmeiras acredita que a partir de agora terá muito mais dificuldades para jogar. Não só pela marcação especial que receberá dos zagueiros, mas também pelo fato de que os adversários que enfrentará a partir de agora serão mais qualificados que os do ano passado na Segundona."Mesmo assim, espero fazer 100 gols", brinca o jogador, que reafirmou seu desejo em cumprir seu contrato com o Palmeiras até 2006. "Não vou jogar o Campeonato Paulista e a Copa do Brasil pensando na abertura do mercado europeu no meio do ano. Minha intenção é ajudar a equipe a conquistar títulos."O atacante, no entanto, acredita que a equipe sentirá muito a ausência do lateral-esquerdo Lúcio, que não acertou a renovação de seu contrato."Lúcio vai fazer falta, já que se trata de um jogador muito ofensivo, forte fisicamente e com personalidade. Tomara que o Palmeiras encontre logo alguém para o seu lugar", diz.Vágner Love crê na contratação de um atacante de estatura elevada para a sua reserva. Mas não se preocupa. "Prefiro falar do meu bom entrosamento com o Edmílson."

Agencia Estado,

04 de janeiro de 2004 | 15h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.