Vagner Mancini lamenta 'o pior' primeiro tempo do Botafogo após revés

Técnico ficou muito decepcionado com apresentação de sua equipe nos primeiros 45 minutos da derrota para o Ceará por 2 a 1 no Rio

Estadão Conteúdo

28 de agosto de 2014 | 11h01

O Botafogo decepcionou a sua torcida ao cair por 2 a 1 diante do Ceará, na noite desta quarta-feira, no Maracanã, onde o time visitante chegou a abrir 2 a 0 já no primeiro tempo e deu um importante passo rumo às quartas de final da Copa do Brasil. Após o confronto, o técnico Vagner Mancini ressaltou que o desempenho exibido pela equipe carioca talvez tenha sido o pior visto por ele desde quando assumiu o comando botafoguense.

"O Botafogo entrou bem até os 10 minutos. Depois, o Ceará tomou conta do jogo. Mostramos muita coisa errada, um primeiro tempo muito ruim. Acho que foi o pior tempo desde que cheguei aqui", disse Mancini, que ainda admitiu que a equipe cearense perdeu a chance de "matar" o confronto das oitavas de final já neste duelo de ida do mata-mata.

"Alguns jogadores iniciaram a partida desconcentrados, e isso nos custou caro. Depois dos 10 minutos iniciais, todos os setores do Ceará levaram vantagem. Não tem o que esconder, tenho de falar a verdade: o Botafogo não fez um bom jogo. O Ceará teve oportunidade de matar o duelo, mas o segundo jogo vai ser diferente. Temos totais condições de reverter esse placar", completou o técnico, mantendo o otimismo para a partida na qual o placar de 1 a 0 não servirá para o Botafogo, pois o time levou dois gols em casa no duelo de ida.

Mancini também criticou a arbitragem do duelo desta quarta, acreditando que a atuação do trio escalado para a partida complicou ainda mais a vida dos botafoguenses, embora tenha enfatizado que isso não serve para "tirar o mérito do Ceará'' pela vitória. "A arbitragem esteve muito mal, não gosto de falar disso, mas o árbitro e os auxiliares erraram várias vezes e deixaram o jogo tenso", lamentou.

Na próxima quarta-feira, no Castelão, em Fortaleza, o Botafogo voltará a enfrentar o time cearense na partida de volta das oitavas de final. Antes disso, porém, o time terá de encarar o Santos, domingo, no Maracanã, pela 18ª rodada do Brasileirão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.