Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

'Vai ser difícil virar essa página', diz Antony sobre derrota do São Paulo

Atacante afirma que 'momento é muito difícil' por causa da derrota por 3 a 0 para o Palmeiras

Guilherme Amaro, O Estado de S.Paulo

31 de outubro de 2019 | 04h30

O atacante Antony admitiu que a derrota por 3 a 0 do São Paulo no clássico com o Palmeiras vai ser difícil de esquecer tão cedo. O jogador afirmou ser um "momento de muita tristeza", mas pede a reabilitação da equipe na próxima rodada, contra a Chapecoense, na Arena Condá. "É um momento muito difícil, perder um clássico dessa forma, muita tristeza. Realmente é difícil dormir depois do jogo. Entendemos o lado do torcedor também, mas agora é trabalhar. Vai ser difícil virar esta página, o sentimento é de muita tristeza. Mas temos de jogar contra a Chapecoense lá e buscar os três pontos", disse Antony. 

O São Paulo perdeu de 3 a 0 e não  jogou bem. O próprio treinador Fernando Diniz cobrou mais vontade de seus jogadores num jogo tão importante. Segundo ele, o São Paulo não levou o clássico ao pé da letra.

Antony concorda com as críticas do técnico Fernando Diniz em relação à postura da equipe. O atacante condenou a "oscilação" do São Paulo, que está em quarto lugar do Campeonato Brasileiro. "Como o Diniz disse, é a oscilação. A gente tem oscilado muito. Uma partida boa, outra não tanto. Temos de manter o nível alto", afirmou Antony. "A gente sabe da qualidade do Palmeiras. Eles souberam aproveitar as oportunidades, algumas falhas nossas também. Agora é acertar essas falhas e focar no jogo de sábado", acrescentou.

766E3C01-53A8-483E-9B06-CCE0C7108013
Como o Diniz disse, é a oscilação. A gente tem oscilado muito
E0EAB005-9061-4B3D-86B9-AEB61693E313
Antony, atacante do São Paulo

Apesar da derrota, o São Paulo permanece em quarto lugar no Campeonato Brasileiro, na zona de classificação direta para a fase de grupos da próxima Copa Libertadores da América. Na rodada do gim de semana, a equipe visita a Chapecoense no sábado, às 21h, na Arena Condá.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.