José Patrício/AE
José Patrício/AE

Valdivia aprova retorno e promete melhorar no Palmeiras

'Vou evoluir, mas estou feliz só com o fato de ter voltado bem e sem qualquer tipo de dor', afirmou

AE, Agência Estado

21 de fevereiro de 2011 | 12h06

O meia Valdivia aprovou a sua primeira atuação pelo Palmeiras em 2011. No domingo, o chileno foi titular no empate por 0 a 0 com o Mogi Mirim, fora de casa, em partida válida pela nona rodada do Campeonato Paulista. Ele atuou por 65 minutos e admitiu que ainda está sem ritmo de jogo e prometeu melhorar o seu desempenho.

"É claro que eu vou melhorar muito mais, mas acho que fui bem. Para quem estava há tanto tempo sem jogar, procurei me movimentar bastante e ajudar a equipe inclusive na marcação. Aos poucos, vou evoluir, mas estou feliz só com o fato de ter voltado bem e sem qualquer tipo de dor. A confiança vai aumentar com o tempo", afirmou.

Valdivia aproveitou para se colocar à disposição do técnico Luiz Felipe Scolari para jogar contra o Comercial, no Piauí, quarta-feira, na estreia da equipe na Copa do Brasil. "Se o Felipão quiser contar comigo, estou à disposição. Não sabemos ainda qual será a programação da comissão técnica, mas eu me sinto bem e estou pronto caso precise atuar", disse.

Felipão aprovou o desempenho de Valdivia, mas não revelou se o chileno será escalado na quarta-feira. "Não dava para cobrar muito de quem estava há três meses sem jogar. Mas ele foi bem, procurou o jogo, deu assistências. É certo que, com o decorrer dos jogos, ele vai pegar ritmo de jogo e voltar a ficar bem tecnicamente. Ele só iria jogar os primeiros 45 minutos, mas conversamos no intervalo, ele estava com fôlego e por isso atuou no começo da segunda etapa", comentou.

Veja também:

linkJOGO - Leia como foi Mogi Mirim 0 x 0 Palmeiras

linkFelipão perde a paciência com a falta de um centroavante após empate

PAULISTÃO - tabelaClassificação | listaResultados

especialCALENDÁRIO - O caminho de cada time

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.