Divulgação
Divulgação

Valdivia credita volta por cima ao técnico do Chile

SÃO PAULO - Após muitas lesões e problemas dentro e fora de campo, Valdivia vive seu melhor momento desde que voltou ao Palmeiras pela segundea vez. O meia revela que um dos maiores responsáveis por sua nova postura e maior comprometimento é o técnico Jorge Sampaoli, da seleção do Chile, que ocupa a terceira posição nas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo e está na iminência de se garantir para a competição no Brasil.

Daniel Batista, Agência Estado

23 de setembro de 2013 | 16h41

"Muito do que estou vivendo no futebol é por causa do Sampaoli. Talvez, se ele não assumisse a seleção, eu estaria desmotivado e não teria o mesmo ânimo para me recuperar das lesões e jogar. Quando um técnico faz o que ele fez comigo, é preciso retribuir de alguma forma. As pessoas da seleção vieram ao Brasil para me ver, então a responsabilidade é grande", disse Valdivia, em entrevista ao diário La Tercera, do Chile.

Sampaoli esteve presente na vitória do Palmeiras sobre o ABC por 4 a 1, no Pacaembu, e na derrota por 1 a 0 para o Tigre, na Argentina. Desde que assumiu a seleção chilena, o treinador deixa claro que espera contar com o chileno do Palmeiras no time. Valdivia ficou fora da seleção de outubro de 2011 até o mês passado, quando atuou na vitória por 3 a 0 sobre a Venezuela, pelas Eliminatórias. Claudio Borghi, antecessor de Sampaoli, brigou com o meia após diversos atos de indisciplina do jogador.

Valdivia também comentou nesta mesma entrevista sobre as sucessivas lesões ocorridas no Palmeiras e admitiu que não tratava os problemas clínicos como deveria. "Lesões fazem parte do futebol, podem acontecer em um treino ou em um jogo. Talvez elas tenham me perseguido nos últimos tempos por uma série de fatores, alguns por própria responsabilidade minha. Eu não me cuidava, não vou esconder isso, mas pode ser que eu esteja me cuidando ao máximo agora e mesmo assim receba uma entrada dura que me deixe dois meses fora."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasValdiviaSérie B

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.