Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Valdivia é convocado e desfalca novamente o Palmeiras

Meia chileno deve perder duas rodadas da Série B

AE, Agência Estado

21 de agosto de 2013 | 22h09

SANTIAGO - Mesmo machucado, o meia Valdivia foi convocado nesta quarta-feira pelo técnico Jorge Sampaoli para servir à seleção do Chile nas partida diante da Venezuela, em 6 de setembro, pelas Eliminatórias da Copa, em Santiago, e contra a Espanha, dia 10, em amistoso em Genebra (Suíça). Além dele, também foram chamados Marcos González, do Flamengo, Eugenio Mena, do Santos, e Eduardo Vargas, do Grêmio.

A lesão de Valdivia foi detectada na última semana enquanto ele estava na Dinamarca exatamente para um amistoso da seleção chilena contra o Iraque. O jogador foi poupado da partida e desde a última sexta-feira faz tratamento no Palmeiras para tentar se recuperar. O meia deve ser poupado no próximo sábado contra o Boa, mas a tendência é ele retornar diante do Atlético-PR, na quarta da semana que vem.

Servindo ao Chile, Valdivia deve perder dois jogos do Palmeiras na Série B, contra Chapecoense e ASA. Assim, retornaria para enfrentar o América Mineiro, no dia 13.

Vargas também não tem atuado pelo Grêmio, com uma lesão no tornozelo, e mesmo assim foi convocado. Sua última participação foi no dia 31 de julho. O jogador perderá as partidas contra Goiás, Portuguesa e Náutico, todas pelo Brasileirão.

Titular absoluto do Flamengo, González vai desfalcar a equipe diante de Vitória, Cruzeiro e Santos. Da mesma forma, Mena, hoje titular da lateral-esquerda santista, não atuará em três partidas do Brasileirão, contra Atlético-PR, Inter e Flamengo.

A lista de 20 jogadores convocados por Sampaoli nesta quarta tem como principal novidade a volta do atacante Humberto Suazo, que há seis meses disse que não estava mais apto a defender a seleção. Alexis Sánchez, do Barcelona, é o grande nome da relação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.