Valdivia volta ao Inter lesionado, será operado e coloca Olimpíada em risco

Uma das principais revelações do futebol brasileiro na temporada, o meia Valdivia não joga mais este ano, vai perder o Campeonato Gaúcho e a Copa Sul-Minas-Rio e corre sério risco de ficar fora também dos Jogos Olímpicos do Rio, no ano que vem. O jogador voltou ao Inter nesta segunda-feira, foi diagnosticado com uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo e precisará passar por cirurgia.

Estadão Conteúdo

16 de novembro de 2015 | 15h13

"Valdívia sofreu uma entorse no joelho esquerdo atuando pela seleção brasileira olímpica, em amistoso contra os Estados Unidos, domingo, em Belém (PA). A lesão culminou em ruptura do ligamento cruzado anterior e o atleta passará por intervenção cirúrgica ainda hoje (segunda), no final do dia, no Hospital Moinhos de Vento. A previsão de retorno de Valdívia aos treinamentos é de seis meses", explicou o Inter.

Em se confirmando esse prazo, Valdivia voltaria a treinar em meados de maio, ficando à disposição para jogar possivelmente apenas durante o mês de junho. O Brasil estreia na Olimpíada em 4 de agosto e a tendência é que Dunga convoque o time cerca de um mês antes. Assim, o jogador do Inter teria poucas partidas para se mostrar pronto para jogar no Rio.

Diferente da Copa do Mundo, nos Jogos Olímpicos o elenco de um time de futebol pode ter apenas 23 atletas. Para a posição de Valdivia, Dunga conta com nomes como Lucas Silva, Gustavo Scarpa, Felipe Anderson, Kenedy e Gabriel Jesus.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.