Kai Försterling/EFE
Kai Försterling/EFE

Valencia e Betis triunfam e abrem distância da zona de rebaixamento no Espanhol

Tradicionais equipes respiram mais aliviadas na Espanha

Estadão Conteúdo

28 Fevereiro 2017 | 19h42

Antes ameaçados pelo rebaixamento no Campeonato Espanhol, Valencia e Betis deram mais um passo para permanecer na elite sem maiores sustos até o fim da competição. Nesta terça-feira, o Valencia suou, mas derrotou o Leganés por 1 a 0, em casa. Já o Betis visitou o Málaga e passou por 2 a 1.

Com o resultado, o Valencia abriu 12 pontos de distância para a zona da degola, chegando a 29, em 12.º. O Betis, por sua vez, tem 27 e está duas posições abaixo. O Leganés é quem está mais ameaçado, com 21 pontos, em 16.º, uma colocação abaixo do Málaga, que tem 26 pontos.

Em meio a diversos altos e baixos nas últimas partidas, o Valencia venceu pela oitava vez em 25 partidas no Espanhol. Aos 28 minutos, após bate-rebate na área, Mangala desviou de cabeça. Herrerin fez linda defesa, a bola tocou na trave e voltou para o zagueiro, que finalizou para a rede. No segundo tempo, Alberto foi expulso e deixou o Leganés com um a menos, facilitando a vida dos anfitriões.

Já o Betis viu o Málaga sair na frente no primeiro tempo com o gol de Fornals. Mas logo aos dois minutos da etapa final, Jonas Martin aproveitou assistência de Brasinac e deixou tudo igual. Precisando da vitória, o time de Sevilha foi para cima e conseguiu a virada aos 27, com Sanabria.

Nesta sexta-feira, o Betis volta a campo para receber a Real Sociedad pelo Espanhol. No sábado, o Leganés joga diante do Granada, em casa. No dia seguinte, o Valencia viaja para encarar o Atlético de Madrid, enquanto o Málaga pega o Athletic Bilbao, também nos domínios do adversário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.