Jose Jordan/AFP
Jose Jordan/AFP

Valencia leva a melhor em confronto direto e volta ao G-4 na Espanha

Equipe derrota o Sevilla em casa por 3 a 1 com pênalti defendido por Diego Alves, ultrapassa o adversário e continua na cola dos líderes

Estadão Conteúdo

25 de janeiro de 2015 | 20h17

Com Real Madrid, Barcelona e Atlético de Madrid disputando o título espanhol, resta somente uma vaga para a Liga dos Campeões. Neste domingo, em confronto direto pelo G-4, o Valencia recebeu o Sevilla no Mestalla e venceu por 3 a 1. Assim, passou o adversário e assumiu o quarto lugar.

Dani Parejo marcou duas vezes: abriu o placar de pênalti e ampliou aos 32 minutos. Aos 36, o colombiano Bacca conseguiu feito raro: marcou um gol de pênalti sobre Diego Alves. Tudo, porém, voltaria à normalidade aos 41, quando novo pênalti foi marcado. Desta vez o brasileiro defendeu a cobrança de Bacca e aumentou seu recorde: são agora 15 defesas pelo Valencia, maior marca da história do Espanhol.

Outro brasileiro colaborou com a vitória: no segundo tempo, o carioca Rodrigo, naturalizado espanhol, rolou para Javi Fuego bater de primeira e fechar o placar. O Valencia foi a 41 pontos, contra 39 do Sevilla, que tem um jogo atrasado a fazer, contra o Real Madrid. Em sexto, o Villarreal soma 38.

OUTROS JOGOS
Também neste domingo, o Espanyol contou com três gols sul-americanos (dois do uruguaio Stuani e um do equatoriano Caicedo) para ganhar do Almería, fora de casa, por 3 a 0. Em Bilbao, o Athletic ficou no 1 a 1 com o Málaga.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.