Valencia quer técnico de expressão para vaga de Sánchez Flores

O Valencia quer um treinadorreconhecidamente de sucesso para assumir o controle da equipeapós a demissão de Quique Sánchez Flores na segunda-feira. "Nosso objetivo é contratar um treinador de prestígio, dealto nível, que tenha conquistado títulos e que tenha o carismanecessário para treinar o Valencia", disse o diretor esportivodo clube, Miguel Angel Ruiz, segundo o jornal esportivo Marcadesta terça-feira. "É claro, o técnico tem que querer vir para o Valencia, maseu não acho que muitos treinadores torceriam o nariz para apossibilidade de treinar o Valencia", acrescentou. Luiz Felipe Scolari, técnico de Portugal, o italiano atualcampeão do mundo, Marcello Lippi, o ex-técnico do Chelsea JoséMourinho, o francês Didier Deschamps e os ex-treinadores doReal Madrid Vicente del Bosque e Fabio Capello estão entre ospossíveis alvos do clube. O técnico interino Oscar Fernández assumiu a equipe nasegunda-feira e vai ficar no banco para o jogo de quarta-feiracontra o Real Madrid, no estádio Mestalla. (Por Simon Baskett)

REUTERS

30 de outubro de 2007 | 12h14

Tudo o que sabemos sobre:
ESPANHOLVALENCIAFLORES

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.