Valor pago por Di María pelo Manchester United é recorde na Inglaterra

R$ 225 milhões pagos pelo meia argentino superam os R$ 189 mi que o Chelsea desembolsou pelo centroavante Fernando Torres

REUTERS

26 de agosto de 2014 | 08h29

O Manchester United fechou a contratação do meia-atacante do Real Madrid Ángel di María por 59,7 milhões de libras (R$ 225 milhões), em uma transferência recorde para um time da Grã-Bretanha, e vai anunciar o acordo oficialmente nesta terça, informou a mídia britânica. O jogador argentino chegou a Manchester na segunda-feira e será submetido a exames médicos nesta terça, segundo jornais.

O valor da transferência supera os 50 milhões de libras (R$ 189 milhões) pagos pelo Chelsea, rival do Manchester United, para contratar o atacante espanhol Fernando Torres em 2011. O Manchester United se recusou a comentar sobre a transferência. Di María custou 33 milhões de dólares (R$ 75 milhões) ao Real Madrid em 2010, quando foi comprado do Benfica, e foi uma peça-chave da equipe na conquista do décimo título da Liga dos Campeões, na temporada passada.

O argentino, no entanto, não foi relacionado para a Supercopa da Espanha, na semana passada. O jogador, de 26 anos, rejeitou uma renovação de contrato com o Real Madrid, e o treinador Carlo Ancelotti disse no domingo que Di María já havia se despedido dos jogadores e da comissão técnica.

A contratação de Di María seria um impulso importante para o United, do técnico Louis van Gaal, que só conquistou um ponto em seus dois primeiros jogos na atual temporada do Campeonato Inglês.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.