Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Veja os valores da premiação do Brasileirão 2019

Classificação final interferiu no valor que cada clube recebeu no Campeonato Brasileiro

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

05 de dezembro de 2019 | 17h41
Atualizado 12 de dezembro de 2019 | 16h15

Embora o Campeonato Brasileiro de 2019 tenha sido conquistado pelo Flamengo com sobras, a briga por vagas na Copa Libertadores, Sul-Americana e contra o rebaixamento agitaram as últimas rodadas, mas também houve preocupação com a questão financeira. A premiação do Brasileirão varia de acordo com a classificação final das equipes, independentemente de suas conquistas na Conmebol.

No total, serão distribuídos R$ 330 milhões em prêmios, um valor superior cinco vezes mais do que foi pago no ano passado, quando o total foi de R$ 63,7 milhões. O motivo da mudança é pelo novo acordo da TV Globo com a maioria dos clubes

O valor integral é pago apenas para os times que fecharam direitos de transmissão com a Globo na TV aberta, fechada (SporTV) e pay-per-view (Premiere). São os casos dos seguintes clubes: Corinthians, São Paulo, Botafogo, Flamengo, Fluminense, Vasco, Atlético-MG, Cruzeiro, Goiás, CSA e Chapecoense

Clubes que assinaram com o Esporte Interativo (Grupo Turner) tem um desconto no valor dos prêmios, não divulgado pelas emissoras. São os casos de: Santos, Athletico-PR, Ceará, Bahia e Fortaleza. O Palmeiras fechou com as duas emissoras e em razão disso, não terá desconto na premiação, que é paga apenas para os 16 clubes que permaneceram na Série A. Os quatro rebaixados não ganham bônus algum e ainda terão verba menor de transmissão. 

Confira a premiação do Brasileirão 2019

  • Campeão (FLAMENGO)  – R$ 33 milhões
  • Vice-campeão (SANTOS) – R$ 31,3 milhões
  • 3.º colocado (PALMEIRAS) – R$ 29,7 milhõe
  • 4.º colocado (GRÊMIO) – R$ 28 milhões
  • 5.º colocado (ATHLETICO-PR) – R$ 26,4 milhões
  • 6º colocado (SÃO PAULO) – R$ 24,7 milhões
  • 7.º colocado (INTER) – R$ 23,1 milhões
  • 8.º colocado (CORINTHIANS) – R$ 21,4 milhões 
  • 9.º colocado (FORTALEZA) – R$ 19,8 milhões
  • 10.º colocado (GOIÁS) – R$ 18,5 milhões
  • 11.º colocado (BAHIA) – R$ 15,5 milhões 
  • 12.º colocado (VASCO) – R$ 14,6 milhões
  • 13.º colocado (ATLÉTICO-MG) – R$ 13,7 milhões
  • 14.º colocado (FLUMINENSE) – R$ 12,8 milhões
  • 15.º colocado (BOTAFOGO) – R$ 11,9 milhões 
  • 16.º colocado (CEARÁ) – R$ 11 milhões
  • 17.º ao 20.º (CRUZEIRO, CSA, CHAPECOENSE e AVAÍ): R$ 0

Para Entender

Programação de tv

Veja as principais atrações esportivas do dia

 

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.