Enric Fontcuberta / EFE
Enric Fontcuberta / EFE

Valverde aponta Liga dos Campeões como ilusão e não como obrigação ao Barcelona

Técnico não vê vantagem do Barça por já ter sido campeão nacional, enquanto o Liverpool briga pelo título

Redação, Estadão Conteúdo

30 de abril de 2019 | 15h50

O técnico do Barcelona, Ernesto Valverde, disse nesta terça-feira, véspera do primeiro jogo da semifinal contra o Liverpool, no estádio Camp Nou, em Barcelona, que vencer a Liga dos Campeões da Europa "não é uma obrigação, é uma ilusão". "Não há obrigação para nada, o que existe é uma ilusão para conseguir as coisas", disse o treinador, em entrevista coletiva.

O Barcelona não disputa a decisão da principal competição europeia de clubes desde 2015, ano em que conquistou o título pela última vez. Para alcançar o objetivo, segundo Valverde, "não é suficiente fazer um bom jogo, você tem que fazer dois bons jogos. Não é possível ter nenhum deslize. Em 10 minutos de mau futebol, o Liverpool tem jogadores para decidir a partida".

O técnico catalão analisou o poderoso adversário e destacou suas principais qualidades. "Você tem que ter uma resposta para essa habilidade que o Liverpool tem para te empurrar e você tem que ter a capacidade de superar essa pressão tão pegajosa. É uma equipe com um ataque extraordinário, com um nível de pressão e alto ritmo, o que Kloop (Jurgen, técnico) já tinha em Dortmund (Borussia) e se mudou para Liverpool".

Valverde não acredita em grande vantagem o fato de o Barcelona ter conquistado o título espanhol no último sábado, enquanto que o Liverpool briga ponto a ponto com o Manchester City pelo Campeonato Inglês. "É uma semifinal de Liga dos Campeões, todo mundo vai estar muito concentrado e o cansaço vai ser superado", disse.

O jogo ganhou um aperitivo a mais depois que Jurgen Klopp, técnico do Liverpool, afirmou que o "Camp Nou não é um templo do futebol". "A torcida tem sido um fator decisivo nas últimas semanas, temos vários jogos com mais de 90 mil pessoas e os adversários sentem. Nesta quarta-feira esperamos que aconteça o mesmo", afirmou Valverde.

Depois do jogo desta quarta-feira, as equipes voltam a se enfrentar na Inglaterra na terça seguinte. Os dois clubes somam cinco títulos europeus cada. Os ingleses não são campeões desde a temporada 2004/2005. Eles estão empatados com o alemão Bayern de Munique e são superados por Milan (sete taças) e Real Madrid (13).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.