Vampeta aceita convite e vira técnico no Nacional

Uma parceria entre o Corinthians e o Nacional permitirá a Vampeta ter a sua primeira oportunidade como técnico profissional. Com diversos jogadores até 23 anos sob contrato, mas sem espaço para aproveitá-los, a diretoria corintiana aceitou oferecê-los ao clube da Barra Funda. Indicado pelo próprio Corinthians, o ex-jogador assumirá o comando da equipe.

AE, Agencia Estado

22 de fevereiro de 2010 | 19h58

O Nacional disputará este ano a Segunda Divisão do Campeonato Paulista, equivalente à quarta divisão. Assim, a base da equipe será formada pelos jogadores que disputaram a edição deste ano da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Vampeta, campeão mundial com o Corinthians em 2000 e pela Seleção Brasileira em 2002, chega ao Nacional esbanjando otimismo. Para ele, o clube não aceita menos que o acesso à Série A-3.

"É uma nova etapa na minha vida e estou ansioso em mostrar serviço. Com a estrutura do Nacional e a qualidade dos meninos do Corinthians, com certeza estaremos entre os quatro que sobem para a Série A-3."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.