Vampeta lança candidatura da tia e viaja a SP

O volante Vampeta chegou mudo à Bahia, depois de brigar com a diretoria do Corinthians e abandonar o clube há 20 dias, e deixou o Estado na tarde desta terça-feira em direção a São Paulo, calado. Nas três semanas que passou entre Salvador e sua cidade natal, Nazaré das Farinhas no Recôncavo Baiano, se recusou a dar entrevistas. No entanto, em silêncio, articulou a candidatura de uma de suas tias, Edna Alves (PL) a vereadora de Nazaré das Farinhas, na eleição municipal do próximo ano.Havia o forte boato de que Vampeta iria aproveitar a crise com o Corinthians e sua contusão, para pendurar as chuteiras e iniciar a carreira política lançando a sua própria candidatura a prefeito de Nazaré das Farinhas, mas isso não ocorreu. "Ainda é muito cedo para ele ser prefeito, acredita-se que primeiro vá se candidatar a deputado estadual ou federal", disse Edna admitindo que foi convencida pelo sobrinho a se candidatar exatamente para "sondar" o eleitorado do município. Ou seja, Vampeta quer primeiro saber se seu apoio a uma candidatura pode se traduzir em votos, antes de ele submeter o nome ao julgamentos dos moradores de Nazaré das Farinhas, onde criou a Fundação Marcos Vampeta para administrar o centenário Cine Teatro Rio Branco, único da cidade.Dona Edna garantiu que Vampeta vai participar da campanha municipal do próximo ano pedindo voto para ela e espera que os boatos de que o volante poderia assinar um contrato com um clube japonês não se concretize. "Não sei nada disso, ele só me disse que iria se apresentar ao Corinthians", comentou, mantendo o estilo calado do sobrinho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.