Vampeta pode ter feito sua despedida

O jogo deste domingo contra o Grêmio, em Porto Alegre, pode ter sido o último de Vampeta pelo Corinthians. Seu contrato vence no dia 31 e a renovação é pouco provável. A diretoria fez uma proposta radical. Além da redução salarial de R$ 120 mil para R$ 80 mil em carteira, o clube quer que o jogador perdoe a dívida do contrato atual.Vampeta está decepcionado com os dirigentes - e os dirigentes com ele, depois que Vampeta disse pela tevê que não voltaria a vestir a camisa corintiana em 2003 se o clube não colocasse em dia o seu salário. Além disso, Vampeta mentiu quando disse que o clube estava lhe pagando os atrasados. O Corinthians ainda lhe deve cinco meses de direitos de imagem, além dos R$ 300 mil que deveriam ter sido pagos no começo do ano, quando ele se transferiu do Flamengo para o Parque São Jorge.Vampeta pretende acertar a sua situação antes da virada do ano. Como tinha viagem marcada para a Suíça, na noite deste domingo, para participar do jogo beneficente organizado por Ronaldo e Zidane, só conversará com os dirigentes na volta. Porém, já decidiu que não vai abrir mão de um centavo sequer do contrato atual. "Posso até discutir um acordo, mas não abro mão do que é meu."Um amigo do volante contou que o Corinthians tinha de pagar os R$ 300 mil da transferência do Flamengo em janeiro. Como o clube já estava com dificuldades financeiras, o próprio Vampeta sugeriu ao diretor financeiro, Carlos Roberto de Mello, que a dívida só fosse quitada no final do ano. Vampeta só não contava com a hipótese de um ?calote?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.