Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Ivan Storti/Santos FC
Ivan Storti/Santos FC

Vanderlei aponta Palmeiras favorito e vê 1º jogo como decisivo para o Santos

Goleiro prometeu que equipe da Baixada vai dar uma resposta dentro de campo

Estadão Conteúdo

23 de março de 2018 | 14h58

O Palmeiras é o favorito na semifinal do Campeonato Paulista contra o Santos. Essa foi a avaliação realizada nesta sexta-feira pelo goleiro Vanderlei, na véspera do primeiro jogo entre os rivais, marcado para sábado, às 19 horas, no Pacaembu. Até por isso, o santista destacou a importância de o time conquistar um bom resultado na abertura da série, atuando como mandante.

Santos jogará no Pacaembu como mandante nas semifinais do Paulistão

"Teoricamente vai ter. Eles vivem momento melhor, mas na hora do clássico tudo muda e já vimos equipes que não vinham tão bem e no clássico conseguiram se superar e sair com a vitória. Vamos contar com o apoio da torcida no Pacaembu, onde eles fazem a diferença. O primeiro jogo diz muito no mata-mata. Se fizermos um bom resultado na ida, vamos ter vantagem e tranquilidade depois", disse, em entrevista coletiva nesta sexta-feira no CT Rei Pelé.

Palmeiras e Santos chegam às semifinais em situações praticamente opostas. Afinal, além de ter feito a melhor campanha da fase de classificação do Paulistão, o Palmeiras avançou às semifinais com duas vitórias fáceis, por 5 a 0 e 3 a 0, enquanto o clube da Vila Belmiro só se classificou na disputa de pênaltis após dois empates sem gols com o Botafogo de Ribeirão Preto.

Vanderlei reconheceu as situações diferentes, mas também prometeu que o Santos vai dar uma resposta dentro de campo. "Os números falam por si. Fez a melhor campanha e no mata-mata contra o Novorizontino se mostrou muito superior. São clássicos e serão equilibrados, temos chances também. O Palmeiras tem um grande orçamento, um dos melhores elencos do Brasil, mas a gente é forte também. Vamos buscar o resultado", afirmou.

Além disso, embora tenha reconhecido que o peso de ser eliminado em um clássico no Paulistão possa provocar uma crise, exibiu confiança no Santos, apesar da série de cinco jogos sem vitórias no Estadual. "Ser eliminado em um clássico é sempre complicado. Tem quatro equipes brigando pelo título e só uma vai ser campeã. Planejamos o ano inteiro para vencer. Independentemente do que aconteça lá, temos que buscar o nosso melhor. Se fizermos duas boas partidas, teremos mais chance de vencer. Temos tudo pra fazer uma grande semifinal e sair com um bom resultado contra o Palmeiras", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
Santos Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.