Ivan Storti/Divulgação
Ivan Storti/Divulgação

Vanderlei exalta fase do Santos e aprova jogo no Pacaembu contra a Ponte

Recuperado de contusão, goleiro volta a ser titular do time de Dorival

Estadao Conteudo

30 de março de 2017 | 19h18

O goleiro Vanderlei, do Santos, acredita que o time chegou no melhor momento para a fase decisiva do Campeonato Paulista. A equipe entra em campo no próximo sábado, às 16 horas, para enfrentar a Ponte Preta, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, na primeira partida das quartas de final da competição. Foram três vitórias consecutivas nos últimos jogos, contra São Bento, Santo André e Novorizontino.

"Sabemos o que erramos e é algo interno, sem externar. A campanha oscilou, não começamos muito bem e tivemos derrotas não esperadas. Tivemos algumas lesões, vários ficaram fora, mas estamos crescendo na hora certa. São três vitórias seguidas e confiança em alta. Temos tudo para fazer uma grande eliminatória contra a Ponte Preta", disse o Vanderlei, em entrevista coletiva no CT Rei Pelé, na tarde desta quinta-feira, após o treino.

Vanderlei também aprovou a escolha do palco da partida de volta entre santistas e ponte-pretanos, que será disputada no Pacaembu, no dia 10 de abril, uma segunda-feira, e acredita que o estádio estará lotado.

"A gente sempre fez bons trabalhos na Vila ou no Pacaembu. Acho que desde que eu cheguei não perdemos no Pacaembu. A torcida comparece lá, dá 20 mil (presentes) em todos os jogos e vai estar lotado. O estádio dá todas as condições. Aqui ou na Vila temos de buscar a classificação", completou o titular do gol santista.

O Santos venceu as últimas 17 partidas que disputou no Pacaembu. Neste ano, bateu o Kenitra, do Marrocos, por 5 a 1, em amistoso, e o Reb Bull Brasil (3 a 2), pelo Paulistão. Após maus resultados, o time praiano venceu os últimos três jogos do Estadual, contra São Bento, Santo André e Novorizontino.

MUDANÇA DE PLANOS

A comissão técnica decidiu mudar o horário do treino desta sexta-feira para começar às 9h30 - a atividade inicialmente estava programada para a tarde. A alteração foi definida em virtude da data da primeira partida contra a Ponte Preta pelas quartas de final do Paulistão, marcada para sábado à tarde.

Com o treino matutino, o time terá mais tempo para descansar para este primeiro duelo do mata-mata, embora o técnico Dorival Júnior tenha optado por escalar uma equipe reserva diante do Novorizontino, na última quarta-feira, na Vila Belmiro.

Tudo o que sabemos sobre:
Santos FCSantosfutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.