Vanderlei Luxemburgo rejeita discurso do 'já ganhou'

Técnico do Palmeiras está preocupado com festa da torcida e quer se concentrar apenas na Copa do Brasil

André Rigue, estadao.com.br

28 de abril de 2008 | 09h26

Os torcedores do Palmeiras estão empolgados com a vitória sobre a Ponte Preta por 1 a 0, pela primeira partida da final do Campeonato Paulista. O técnico Vanderlei Luxemburgo, no entanto, não quer saber de comemoração antecipada entre os jogadores e só aceita "algum tipo de festa" depois que o time confirmar o título.Veja também: Palmeiras vence a Ponte e fica perto do título do Paulistão TV Estadão: Ponte 0 x 1 Palmeiras - assista ao gol de Kléber A preocupação do treinador tem lógica. Nesta quarta-feira, o Palmeiras enfrenta o Sport Recife, na segunda partida das oitavas-de-final da Copa do Brasil. Como o primeiro jogo ficou no 0 a 0, o alviverde precisa vencer ou empatar com gols para avançar. E Luxemburgo teme que a empolgação pela vitória sobre a Ponte atrapalhe o rendimento."É uma decisão atrás da outra. A Ponte Preta agora é passado", afirma Luxemburgo. "É claro que estamos bem próximos da conquista do Paulistão, mas primeiro temos de pensar no Sport Recife. Se não entrarmos com este espírito, não conseguiremos o nosso objetivo de passar às quartas-de-final".Luxemburgo reconhece que o Palmeiras está sedento por títulos. A última grande conquista aconteceu em 1999, quando o time era comandado por Felipão - na ocasião levou a Libertadores. "Clube grande precisa vencer. E eu espero que o Palmeiras consiga isso no próximo domingo. Um título no Palestra seria muito bom".Quem segue a linha de pensamento de Luxemburgo é o zagueiro Gustavo. "O título do Paulistão é decidido em 180 minutos. Não podemos esquecer disso, do contrário estaremos arriscados a perder. Vale lembrar que ainda temos o Sport, e também queremos ir bem na Copa do Brasil."TREINAMENTOA delegação do Palmeiras já está em Pernambuco para a disputa da Copa do Brasil. O clube embarcou na noite deste domingo, logo após a vitória sobre a Ponte. Nesta segunda-feira, Vanderlei Luxemburgo comanda um trabalho no Estádio do Náutico. Os jogadores que enfrentaram a Ponte devem apenas fazer exercícios físicos.QUASE LÁA diretoria do Palmeiras esbanjava alegria nos vestiários do Estádio Moisés Lucarelli. O presidente do clube, Affonso Della Monica, acompanhou os jogadores e disse que está muito feliz com a chance de conquistar seu primeiro título como mandatário. "O time está jogando muito bem. Falta pouco..." 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.