Vanderlei Luxemburgo vê derrota 'normal' e nega má fase no Grêmio

Time foi superado por 1 a 0 pelo Náutico, fora de casa, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro

AE, Agência Estado

18 de junho de 2012 | 09h26

RECIFE - O técnico Vanderlei Luxemburgo tentou minimizar a segunda derrota consecutiva sofrida pelo Grêmio. Após ser batido pelo Palmeiras por 2 a 0 na quarta-feira, em Porto Alegre, pelas semifinais da Copa do Brasil, a equipe foi superada por 1 a 0 pelo Náutico, no Recife, domingo, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O treinador, porém, tratou a situação com naturalidade.

Para Luxemburgo, o Grêmio está no caminho certo e os tropeços seguidos com gols sofridos no final são apenas coincidências. "Perdemos em gols achados pelos rivais, não posso achar que está ruim. Se eu observasse o time jogando tão mal, estaria preocupado", disse.

Diante do Náutico, Luxemburgo testou o Grêmio com três atacantes - Kléber, Miralles e Marcelo Moreno. O treinador evitou comentar se o esquema tático será adotado na quinta-feira, em Barueri, contra o Palmeiras, pelas semifinais da Copa do Brasil. "Não está aprovado nem reprovado. Temos jogadores voltando, o Kleber, o Moreno sem ritmo, mas está dentro do contexto", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.