Ricardo Duarte/Inter
Ricardo Duarte/Inter

Vascaínos comemoram ponto em empate e provocam Inter: 'Estão chorando'

Gaúchos reclamaram do pênalti marcado que igualou o jogo nos acréscimos

O Estado de S.Paulo

27 Outubro 2018 | 00h06

Com gol de Maxi López, de pênalti, aos 46 minutos do segundo tempo, o Vasco arrancou o empate por 1 a 1 diante do Internacional na noite desta sexta-feira, em São Januário, pela 31ª rodada do Brasileirão. A partida terminou com o time gaúcho reclamando muita da arbitragem, o que gerou algumas provocações do lado vascaíno.

"Eles estão chorando. Ficaram reclamando da arbitragem. Ainda estão remoendo do jogo passado, quando teve um gol anulado corretamente. Tivemos três pênaltis não marcados, mas não adianta ficar falando. Temos que focar e seguir trabalhando", disse Werley, ao fim da partida.

Andrey lamentou o resultado desta sexta, mas festejou o ponto conquistado, importante na briga contra o rebaixamento. "Fizemos um jogo com muita intensidade. Normal cansar um pouco. Merecíamos sair com a vitória, mas pelo menos conseguimos conquistar um ponto. Estamos tristes, mas na briga pelo rebaixamento o importante é sempre pontuar", concluiu.

O resultado deixou o Vasco na 13ª colocação do Brasileirão, com 35 pontos, dois na frente do Vitória, primeiro dentro da zona de rebaixamento e que perdeu antes para o São Paulo, por 1 a 0, em Salvador, também nesta noite.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.