Marcelo Sadio/Vasco da Gama
Marcelo Sadio/Vasco da Gama

Vasco busca manter os 100% no Campeonato Carioca contra o Tigres

Com defesa invicta, o técnico Doriva corrigiu problemas de marcação e tem na defesa o ponto forte neste início de competição

Estadão Conteúdo

08 de fevereiro de 2015 | 08h05

Com a defesa invicta, o Vasco volta a campo neste domingo, às 19h30, para enfrentar o Tigres, no estádio de Los Larios, em Duque de Caxias, pela terceira rodada do Campeonato Carioca. O time venceu suas duas primeiras partidas na competição e quer manter os 100% de aproveitamento.

Após duas derrotas nos amistosos de pré-temporada - para Flamengo e São Paulo -, o Vasco iniciou o Campeonato Carioca sob desconfiança da torcida. Mas o técnico Doriva corrigiu problemas de marcação e tem na defesa o ponto forte neste início de competição.

"O sistema de marcação está consistente. É fundamental não tomar gol porque mesmo que a gente não faça, ao menos não perdemos", argumentou o técnico. "Temos grandes jogadores, não só na zaga como nas laterais, e a participação deles está sendo importante para dar estabilidade para a equipe".

O lateral-esquerdo Christiano também enalteceu o setor defensivo e destacou que a marcação vem sendo feita inclusive pelos atacantes. "Isso começa lá na frente. O grupo todo se ajuda. Atrás temos o Martín (Silva), Rodrigo e o Luan que já estavam aqui e isso é fundamental para tornar o setor defensivo mais forte. E do meio para frente, o Montoya, Bernardo, Marcinho e Rafael Silva também ajudam e muito na marcação", ressaltou.

Para o jogo deste domingo, Doriva deverá repetir a escalação dos dois primeiros jogos. No treino da última sexta-feira, o volante Guiñazu, que se recupera de uma artroscopia, chegou a treinar com bola, mas seu retorno ainda não tem previsão para ocorrer.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato CariocaVasco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.