Vasco descarta divisão e terá 10% de ingressos domingo

Clube abriu mão dos 50% da carga de bilhetes no clássico com o Fluminense no Maracanã

AE, Agência Estado

18 de julho de 2013 | 21h17

RIO - O Vasco abriu mão nesta quinta-feira dos 50% da carga de ingressos no clássico contra o Fluminense, neste domingo, na reabertura do Maracanã para os clubes. O time de São Januário decidiu ficar só com os 10% destinados ao torcedor visitante e a renda será toda do rival tricolor. A diretoria vascaína se revoltou com o local onde ficariam os torcedores do Vasco, diferente do que estavam habituados no velho Maracanã.

"Ficamos quatro horas na reunião, um dia na federação e cinco horas na reunião no outro dia, mas não serviu para nada. O Fluminense não quis abrir mão de nada. Nós só queríamos que nesse jogo o Vasco ocupasse o lado que sempre ocupou e nos demais seria como o Fluminense assinou no contrato no consórcio", disse o vice-presidente de Patrimônio, Manuel Barbosa.

O Vasco está próximo de acertar o empréstimo até o fim do ano do lateral-direito Fagner, que deixou o time em julho do ano passado e foi contratado pelo Wolfsburg (Alemanha). Ele deve chegar nesta sexta ao Rio de Janeiro para fazer exames médicos. "Posso dizer que está perto, mas, fechado, ainda não", disse o diretor de futebol Ricardo Gomes. Um dos destaques do Vasco na conquista da Copa do Brasil de 2011, Fagner fez 14 gols pelo clube.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoVascoFluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.