Vasco e Botafogo lutam por afirmação e pela liderança do Campeonato Carioca

Vasco e Botafogo, adversários neste domingo, no estádio do Maracanã, no Rio, são duas equipes que buscam a afirmação neste início de temporada. O primeiro subiu da segunda divisão do Campeonato Brasileiro e o outro caiu. Ambos têm equipes limitadas tecnicamente e ainda assim têm boa vantagem sobre o Fluminense e disputam ponto a ponto com o Flamengo a liderança do Campeonato Carioca. Quem vencer o clássico desta 13.ª rodada, que começa às 16 horas, estará a um passo da fase semifinal.

SÍLVIO BARSETTI, Estadão Conteúdo

29 Março 2015 | 07h53

No Vasco, a confiança do técnico Doriva reside na volta de sete titulares, ausentes da vitória sofrida sobre o Boavista (2 a 1, na última quinta-feira), por contusão ou suspensão. Apesar de praticamente completo, o clube cruzmaltino não tem convencido com grandes atuações e tem deixado sua torcida com algumas dúvidas com relação à competência do grupo. O goleiro Jordi continua no time na vaga de Martin Silva, a serviço da seleção uruguaia.

"Sabemos que é um clássico importantíssimo. Podemos avançar bem com relação à classificação. Nos credenciamos a buscar o título dessa primeira parte da competição. Tem muitos pontos a serem ganhos com essa vitória. Vamos com tudo com muita vontade e determinação. Acredito no elenco", disse o técnico Doriva.

Ele ficou satisfeito, especialmente, com a volta de Gilberto. O atacante tem se destacado no Campeonato Carioca e ficou fora da partida contra o Boavista para cumprir suspensão. "O Gilberto vem muito bem. É um jogador intenso, que briga o tempo todo. Ele começou a fazer gols e nos ajudou muito".

Já René Simões, técnico do Botafogo, teve de gastar tempo durante a semana para amenizar o clima no Engenhão. Tudo porque o vice-presidente de futebol, Antonio Carlos Mantuano, gritou com os atletas no vestiário do time após o empate com o Barra Mansa, na última quarta-feira, em Volta Redonda (RJ), e provocou situação de mal-estar, contrariando o comandante e o gerente de futebol Antonio Lopes.

Na última sexta-feira, os dirigentes tentaram contornar o problema e René Simões reiterou que vestiário é território do técnico e dos jogadores. O Botafogo começou muito bem o campeonato, mas seu desempenho vem caindo nos últimos jogos. O goleiro Jefferson continua com a seleção brasileira e vai novamente ser substituído por Renan.

Mais conteúdo sobre:
futebol Campeonato Carioca Vasco Botafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.