Vasco elimina Moto Clube e pega Bahia

O Vasco não teve muita dificuldade e nem precisou jogar bem para conseguir a classificação à próxima fase da Copa do Brasil. O atual campeão carioca venceu o Moto Clube-MA, por 2 a 0, no Estádio Castelão, e eliminou a necessidade do jogo de volta. Agora, o time de São Januário vai enfrentar o Bahia, que derrotou o CFA-RO, por 4 a 1. O Vasco começou assustando o gol do Moto Clube em duas cobranças de falta do meia Marcelinho Carioca. O time maranhense acordou no jogo e quase abriu o placar. O atacante Alex Santana e o meia Tupan desperdiçaram ótimas oportunidades. O goleiro vascaíno Fábio se transformava no melhor jogador em campo. Num belo ataque, o Moto Clube voltou a perder mais uma boa chance. O lateral-esquerdo Lucio, dentro da grande área, chutou mal, longe do gol. O Vasco respondeu numa bela trama. Valdir driblou o goleiro Júnior e cruzou. Souza e Marcelinho perderam a chance. Na seqüência, Léo Lima finalizou para excelente defesa de Júnior. No segundo tempo, o Moto Clube voltou disposto a abrir o marcador. Alex Santana e Leco desperdiçaram boas oportunidades de marcar. Em ambas, Fábio salvou. O Vasco respondeu com Bruno Lazaroni. Ele chutou de primeira e Júnior efetuou a defesa. Logo depois foi a vez de Valdir perder um gol. Aos 24 minutos, veio o alívio para a torcida vascaína. Marcelinho cruzou e Souza, de cabeça, marcou para o Vasco. O time carioca partiu, então, em busca do segundo gol, que eliminaria a partida de volta. Aos 34, Marcelinho cobrou uma falta e a bola entrou. O árbitro Domingos Viana Filho anulou o lance porque Souza estava em posição de impedimento, atrapalhando o goleiro Júnior. Aos 38, Wellington Monteiro arriscou da entrada da área e garantiu a classificação da equipe de São Januário. Ficha Técnica: Vasco: Fábio; Russo (Wellington Monteiro), Alex, Wellington Paulo e Edinho; Henrique, Bruno Lazaroni, Léo Lima (Cadu) e Marcelinho Carioca; Valdir (Carlinhos) e Souza. Técnico: Antônio Lopes. Moto Clube: Júnior; Givanildo, Roger e Alex Sandro; William, Ribamar (Marcinho), Marlon, Tupan (Arnaldo) e Lucio; Alex Santana (Pintinho) e Leco. Técnico: Vítor Hugo. Gols: Souza aos 24 e Wellington Monteiro aos 38 minutos do segundo tempo. Árbitro: Domingos Viana Filho (PA). Cartão amarelo: Bruno Lazaroni, Roger, Lucio, Marlon e Givanildo. Local: Castelão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.