Vasco empata com o Inter e perde a chance de ser líder

Internacional e Vasco empataram por 0 a 0, neste sábado, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, pela 13.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado deixou os dois times na mesma situação que estavam no início da rodada. O clube carioca é segundo colocado, com 30 pontos, e não muda de lugar com os resultados dos jogos deste domingo - fica um ponto atrás do líder Atlético Mineiro. O clube gaúcho é quinto, com 23 pontos, mas pode ser ultrapassado pelo Cruzeiro, que tem 20 pontos e enfrenta o Palmeiras.

ELDER OGLIARI, Agência Estado

28 de julho de 2012 | 20h55

A grande atração do dia, o estreante Diego Forlán, esteve em condições de decidir o jogo duas vezes, mas errou a pontaria. Ainda sem estar em sua melhor forma física, o uruguaio foi substituído por Maurides na metade do segundo tempo. O Internacional também teve de tirar o meia D''Alessandro ainda no primeiro tempo. O argentino sentiu dores musculares e deu seu lugar para Marcos Aurélio.

O jogo foi equilibrado, com poucos lances de área. O Internacional conseguiu duas conclusões perigosas no final do primeiro tempo, ambas desperdiçadas por Forlán. Na primeira, aos 39 minutos, o uruguaio recebeu passe de Guiñazu em condições de marcar, mas mandou a bola para fora. Pouco depois, foi acionado por Marcos Aurélio e chutou desviado de novo.

A marcação dos dois times continuou prevalecendo sobre a criatividade ao longo do segundo tempo. O Internacional foi mais insistente e o Vasco mais perigoso nas finalizações. Aos 14 minutos, Felipe cobrou falta e quase encobriu Muriel, mas o goleiro conseguiu dar um passo para trás e espalmar. Aos 39, Carlos Alberto recebeu de Felipe e chutou para fora. O Internacional respondeu aos 42. Elton cruzou e Maurides cabeceou para fora.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 0 x 0 VASCO

INTERNACIONAL - Muriel; Elton, Bolívar, Índio e Fabrício; Ygor (Josimar), Guiñazu, Fred e D''Alessandro (Marcos Aurélio); Jajá e Forlán (Maurides). Técnico: Fernandão.

VASCO - Fernando Prass; Auremir, Dedé, Douglas (Fabrício) e William Matheus; Wendel, Felipe Bastos, Felipe e Carlos Alberto; Éder Luís (William Barbio) e Alecsandro. Técnico: Cristóvão Borges.

CARTÕES AMARELOS - Fred (Internacional); Dedé (Vasco).

ÁRBITRO - Wilson Luiz Seneme (Fifa/SP).

RENDA - R$ 339.610,00.

PÚBLICO - 15.462 pagantes (18.012 no total).

LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoInternacionalVasco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.