Vasco encara Cruzeiro em Campo Grande

Depois de quebrar um tabu deoito jogos sem vitória - derrotou o Paysandu, em Belém, por 2 a1 -, o Vasco enfrenta neste domingo o Cruzeiro, líder doCampeonato Brasileiro, às 16 horas, no Estádio Pedro Pedrossian,em Campo Grande (MS), sem temer o adversário. Esta será a últimapartida em que a equipe carioca cumprirá suspensão de trêsperdas de mando de campo imposta pelo Superior Tribunal deJustiça Desportiva (STJD), depois de torcedores agredirem osatletas do Coritiba, dia 25 de setembro, em São Januário. O técnico Mauro Galvão e os jogadores acreditam que aequipe mineira, detentora do melhor ataque da competição com 84pontos em 41 jogos, não é imbatível. "O ambiente é outro, estábem mais leve. O Cruzeiro vai nos encarar de outra forma, tenhocerteza", disse Valdir. Para o meia Rodrigo Souto, o elenco doVasco é de qualidade e pode superar o adversário, além devalorizar ainda mais os jovens atletas. O objetivo de Souto é continuar na equipe titular mesmoapós a recuperação do meia Beto, que estava contundido. Oexperiente jogador, contratado com status de craque, foiafastado do elenco que enfrenta o Cruzeiro pelo gerente deFutebol da equipe, Isaías Tinoco, e não viajou com a delegaçãovascaína para Mato Grosso. O motivo do afastamento foi o não comparecimento de Betoao treino realizado na manhã de quinta-feira, em São Januário.Além disso, ele não explicou aos dirigentes do clube porquehavia faltado. O presidente Eurico Miranda disse que vai apuraro que aconteceu e não descartou uma punição ao atleta. "Comopresidente tenho outras coisas para fazer. Não sei se ele veioou não ao treino. Mas se o Isaías relatou isso, algo ocorreu". O atacante Edmundo deverá desfalcar a equipe vascaína.Apesar de estar recuperado de contusão, o craque não se senteconfiante e está mal fisicamente. O meia Morais, um dosdestaques de equipe, recebeu o terceiro cartão amarelo e nãojogará. Danilo deve ser o substituto. Além de reconquistar a vaga, o apoiador quer mostrar aosdirigentes mineiros que poderia ter sido melhor aproveitado nabreve passem pelo Cruzeiro, ano passado. O zagueiro Wescley, que cumpriu suspensão, volta nolugar de Fabiano, expulso na vitória, por 2 a 1, sobre oPaysandu. Referência da equipe por ser mais experiente, oatacante Valdir, que assinalou cinco gols nas útimas setepartidas, promete bom desempenho neste jogo e quer "darconfiança para os jogadores jovens".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.