Vasco encara Nacional-AM para seguir na Copa do Brasil

O Vasco pode perder por até um gol de diferença para o Nacional-AM, nesta quinta-feira, às 21h50, no estádio de São Januário, e ainda assim garantir a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. No jogo de ida, o time carioca venceu por 2 a 0, em Manaus. O clube amazonense decidiu dar prioridade à disputa da Série D do Campeonato Brasileiro e mandou uma equipe reserva para o Rio de Janeiro.

AE, Agência Estado

29 de agosto de 2013 | 08h02

Diante de tal decisão, o técnico do Vasco, Dorival Júnior, resolveu fazer algumas mudanças. A principal delas: poupar Juninho Pernambucano. Ele não vai poder contar com o zagueiro Rafael Vaz e o atacante André porque eles já atuaram pela Copa do Brasil, respectivamente por Ceará e Santos, e, por isso, estão sem condições de jogo.

Dorival Júnior ainda está sob efeito do baque que ele acusou com a saída de Eder Luís do time. O atacante foi emprestado para o Al Nasr, dos Emirados Árabes Unidos. As negociações, concluídas no fim de semana, estavam em curso sem o conhecimento do técnico, que atribuía a Eder Luís um papel importante no esquema tático do Vasco. Marlone vai substituí-lo.

Nesta quarta, no treino em São Januário, Dorival Júnior testou uma equipe bem ofensiva com Montoya bem próximo de Marlone e Tenório no ataque. Ele gostou da atuação do trio. O técnico fez um alerta ao grupo antes da atividade: disse que o adversário não pode ser subestimado mesmo sem os titulares.

Dorival Júnior também preferiu deixar o volante Wendel fora do confronto. O atleta reclamava de dores no joelho direito, embora tivesse dito que o problema não o impediria de atuar.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa do BrasilVasco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.