Marcelo Sadio/Divulgação
Marcelo Sadio/Divulgação

Vasco espera liberação para escalar Guiñazu e Montoya

Caso do colombiano é mais complexo, porque o Vasco depende de uma autorização da Fifa

AE, Agência Estado

29 de julho de 2013 | 20h37

RIO - O técnico do Vasco, Dorival Júnior, comandou coletivo nesta segunda-feira, em São Januário, dos reservas contra os juniores. Os recém-contratados Guiñazu, Fagner, Montoya e Willie participaram da atividade. Eles ainda precisam ter a documentação regularizada para poder entrar em campo com a camisa vascaína.

Guiñazu e Montoya podem reforçar o time na quinta-feira, contra o Goiás. "Se forem regularizados, os dois viajam", disse Dorival. O caso do colombiano Montoya é mais complexo, porque o Vasco ainda depende de uma autorização da Fifa para inscrevê-lo.

Os titulares na vitória sobre o Criciúma, no sábado, por 3 a 2, ficaram na sala de musculação e depois alguns foram ao gramado para mais trabalho físico. O meia Bernardo, que se recupera de cirurgia no joelho direito, foi para o campo e assistiu à atividade dos companheiros. Ele ainda não tem previsão de retorno.

O meia Juninho Pernambucano, que jogou os 90 minutos contra o Criciúma, sua segunda partida neste novo retorno ao clube, pode ser poupado contra o Goiás. Segundo o técnico Dorival Júnior, o atleta de 38 anos será avaliado nos próximos dias. O treinador pode querer preservar o meia para o clássico contra o Botafogo, no domingo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascoGuiñazuMontoya

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.